Braga
253 609 980
Lisboa
218 949 025

Notícias

Fique atento às últimas notícias do Instituto PME

Testemunho de uma adulta de Nível Básico - “Mais um retalho vivido…”

Conclui o objectivo a que me propôs, o que me deixou com vontade de continuar, de fazer algo que nunca imaginei fazer, ou seja, escrever o livro que nasceu através do portefólio “Detalhes de minha vida”. Nesse livro quero escrever as minhas raízes e a minha descendência, introduzir e divulgar o tema da paralisia cerebral, o qual o tenho vivido pessoalmente. Para isto o IPME, sem sombra de dúvidas, contribuiu muito mais do que eu imaginava. Não foi fácil conciliar a vida pessoal com a formação, mas com a ajuda dos meus filhos e nora, e vocês insistindo lá consegui ultrapassar todas as dificuldades. Ainda hoje me lembro daquela frase que vocês disseram “ está tudo dentro de vocês, das vossas vidas”, é como contar uma história triste e alegre e depois de ouvida ser avaliada. Neste caso e na minha opinião a escola incentiva-nos, corrige-nos, insiste para actualizarmos as nossas capacidades que no fundo estão dentro de nós um pouco adormecidas, e é o acordar para a vida quando confrontados que afinal temos tanto para aprender e ensinar. Estas oportunidades que agora me dão para subir na vida tanto a nível pessoal como profissional.
Hoje tenho a certeza que é muito importante ser avaliado e conseguir ter um diploma das nossas capacidades para o mercado de trabalho, seja ele qual for.
Enfim, foram muitos os ensinamentos que aprendi desde que entrei para as Novas Oportunidades. Depois de concluir o 9ºano, vocês incentivaram-me a prosseguir na minha formação, vontade não me falta, mas neste momento a minha prioridade é o meu filho, ele estará sempre em primeiro.
Eu que quando aqui entrei não tinha sonhos, nem objectivos e só olhava para um lado, hoje e com o vosso incentivo e empenho fiquei com uma visão mais clara e objectiva e com uma auto estima mais forte. Eu era alguém, mas faltava-me algo e vocês deram um empurrão para ser algo mais.

Esta é a minha modesta opinião.
Mais um retalho vivido…
Obrigada!

Ana Paula Couto Barbosa

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS