Braga
253 609 980
Lisboa
218 949 025

 

Qualificações profissionais dos peritos qualificados para a certificação energética (Lei nº 58/2013)

 

 

 

PQ são arquitetos (reconhecido pela ordem dos arquitetos), engenheiros (reconhecido pela ordem dos engenheiros)ou engenheiros técnicos (reconhecido pela ordem dos associação nacional dos engenheiros técnicos - ANET)inscritos nas respetivas associações públicas profissionais, sem prejuízo do disposto nos n.os 6 e 7 do artigo 4.º, com as seguintes qualificações adicionais de acordo com o respetivo âmbito de atuação:

 

  • PQ-I : Para atuação em edifícios de habitação e em pequenos edifícios de serviços dotados de sistemas de climatização com potência nominal igual ou inferior a 25 kW:

 

i) Arquitetos, engenheiros civis, engenheiros técnicos civis, engenheiros mecânicos, engenheiros técnicos mecânicos, engenheiros eletrotécnicos, engenheiros técnicos de energia e sistemas de potência, especialistas em engenharia de climatização ou energia;

 

ii) Cinco anos de experiência profissional em atividade de projeto ou construção de edifícios;

 

iii) Aprovação em exame realizado pela entidade gestora do SCE

 

 

 

  • PQ-II : Para atuação em edifícios de serviços no âmbito do RECS

 

i) Engenheiros mecânicos, engenheiros técnicos mecânicos, engenheiros eletrotécnicos, engenheiros técnicos de energia e sistemas de potência, especialistas em engenharia de climatização ou energia;

 

ii) Cinco anos de experiência profissional em atividades de projeto, construção ou manutenção de sistemas de aquecimento, ventilação e ar condicionado (AVAC), ou de auditorias energéticas em edifícios abrangidos pelo RECS;

 

iii) Aprovação em exame realizado pela entidade gestora do SCE

 

 

 

Os exames são realizados através da Plataforma de Gestão da Avaliação (PGA).

 

 

 

REALIZAÇÃO DE EXAME PARA PQ-I

 

O exame será realizado em instalações selecionadas pela ADENE, devidamente equipadas e com os meios técnicos necessários e de acordo com o número de candidatos.

 

O exame, para cujo acesso serão atribuídas credenciais únicas a cada formando, terá as seguintes características:

 

a) Exame único por candidato, gerado de forma aleatória a partir de uma bolsa de questões elaboradas com base nos conteúdos programáticos definidos pela Portaria n.º 66/2014, de 12 de março.

 

b) O exame para PQ-I será composto de 26 questões.

 

c)  Para cada pergunta do exame, que terá associada a respetiva cotação, sendo as perguntas de escolha múltipla (tipo teste americano).

 

d) O exame terá uma duração de três horas e meia (3,5h), sem intervalo, e o formando disporá permanentemente de informação sobre o tempo decorrido e o tempo restante para a realização da prova.

 

e) Durante a realização do exame apenas poderá consultar as peças legislativas que serão fornecidas pela ADENE e que se encontram identificadas no REGULAMENTO DE EXAMES PARA TÉCNICOS SCE PQ-I. Poderá levar consigo máquina de calcular, desde que a mesma não seja gráfica.

 

f) Após submissão do exame o candidato terá acesso ao resultado da prova, cuja nota mínima de aprovação é de 50%.

 

Regras para a realização e correcção do Exame

 

As regras para a realização do exame, a consulta de elementos de apoio e a correção dos exames consta do REGULAMENTO DE EXAMES PARA TÉCNICOS DO SCE PQ-I.

 

Inscrição no Exames

 

Terá de ser realizada através do seguinte link: http://formar.adene.pt/forms/insc_curso.php?tipo=crac%20

 

No link mencionado encontram-se as datas das próximas edições de exames.

 

Tem o custo de 200.00€+IVA.

 

 

 

RECONHECIMENTO COMO PQ-I

 

Após aprovação no exame para PQ-I, e após acordo prévio do candidato, avançará com o processo de reconhecimento como PQ-I.

 

Para o efeito, com vista à verificação do cumprimento dos requisitos “habilitações académicas” e “experiência profissional”, a ADENE procederá à análise da documentação disponibilizada pelo formando aquando da sua inscrição no exame, nomeadamente:

 

  • Cópia do CC ou BI
  • Comprovativo de inscrição na associação pública profissional (OA, OE ou OET)
  • CV

 

No seguimento dessa validação, a Direção Técnica da ADENE procederá ao pré-registo do candidato como PQ-I.

Posteriormente, o candidato será contactado, por correio electrónico, pela Direção Auditoria de Edifícios da ADENE que lhe fornecerá as credenciais de acesso ao portal SCE por forma a completar o seu registo no portal SCE.

capacete obras t

INSCRIÇÕES

P.F. utilize o Internet Explorer

Apresentação / Enquadramento

Este curso tem como objetivo a formação de profissionais com responsabilidades na área da segurança e higiene no trabalho, capacitando-os com os conhecimentos e competências necessárias ao exercício da profissão de técnico superior de higiene e segurança no trabalho (Decreto-Lei n.º 42/2012, de 28 de Agosto).

Este curso encontra-se certificado pela ACT e permite a obtenção do Certificado de Aptidão Profissional (CAP), para o exercício de TSHST.

Caracterização do Público-alvo

Licenciados ou Bacharéis que exercem ou que pretendem vir a exercer atividade na área da Higiene e Segurança do trabalho.

Objetivos do cursos e Resultados Esperados

No final da acção os formandos deverão:

  • Dominar a gestão das atividades de segurança, higiene e saúde no trabalho;
  • Identificar e avaliar riscos presentes e potenciais nas atividades laborais, permitindo operar ações de prevenção adequadas;
  • Identificar, conhecer, interpretar os pontos essenciais da regulamentação e legislação específica da área;
  • Preparar, coordenar e lecionar ações de formação e informação na área em causa;
  • Dar a conhecer metodologias próprias que permitam às empresas envolver todos os colaboradores numa nova atitude associada ao comportamento de (não) risco.

Conteúdos Programáticos:

Componente Sócio-Cultural (124h)

  • Gestão das Organizações;
  • Psicossociologia do Trabalho;
  • Técnicas de Informação, de Comunicação e de Negociação;
  • Conceção e Gestão da Formação;
  • Legislação, Regulamentos e Normas de Segurança, Higiene e Saúde do Trabalho.

Componente Científico-Tecnológica (296h)

  • Noções Estatística e Fiabilidade;
  • Gestão de Prevenção;
  • Organização da Emergência;
  • Avaliação de Riscos Profissionais;
  • Controlo de Riscos Profissionais;
  • Higiene do Trabalho;
  • Segurança do Trabalho;
  • Ergonomia.

Componente Prática (120h)

  • Formação prática em contexto real de trabalho

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CCP/CAP válido.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 1200€

540h

Lisboa 1200€
   

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 17/04/2017 a 09/01/2018 - Segunda a Sexta, das 19H ás 23H;

Lisboa - 13/04/2017 a 15/11/2017 - Segunda a Sexta, das 19H ás 23H

Condições de Pagamento

  • Pronto pagamento - Desconto de 5% (pagamento terá de ser efetuado 72h antes do início do curso);
  • 5 Prestações mensais (ver tabela exemplificativa de pagamentos).
Tabela Exemplificativa de Pagamentos
Curso 1200€  
Prestação / Sinal Valor Realização Pagamento
Pagamento Sinal 50€ Ato de inscrição/efetivar inscrição
1º Prestação 240€ 72h antes do início do curso
2º Prestação 240€ até ao dia 8 do mês correspondente
3º Prestação 240€ até ao dia 8 do mês correspondente
4º Prestação 240€ até ao dia 8 do mês correspondente
5º Prestação 190€ até ao dia 8 do mês correspondente
Total 1200€  

 

 

INSCRIÇÕES

P.F. utilize o Internet Explorer


 

 

logoIA 200pxIPME 100px

ISO 14001

Apresentação / Enquadramento

Tendo em conta um mercado cada vez mais exigente e competitivo, as empresas sentem a necessidade de se distinguir. Uma das formas de optimizar os seus processos, e por conseguinte, melhorar a gestão de recursos, é conseguida pela certificação do sistema de gestão ambiental.;

Nesse sentido, este curso permitirá uma abordagem aos aspectos ambientais e metodologias de controlo e gestão dos mesmos.

Caracterização do Público-alvo

  • Quadros médios e superiores de empresas com responsabilidades na área do ambiente, nomeadamente na implementação de um Sistema de Gestão Ambiental;
  • Consultores e técnicos ligados à área do ambiente;
  • Licenciados ou bacharéis que exercem ou que pretendem vir a exercer actividade na área do ambiente.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados:

No final da acção, os participantes deverão estar aptos a definir, implementar e Gerir um Sistema de Gestão Ambiental, baseado na série de Normas ISO 14000.

Formadores

A designar.

  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 185€ 16h
Porto 205€
Lisboa 215€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Lisboa - Novas ações em fase de calendarização;

Braga - Novas ações em fase de calendarização;

Porto - Novas ações em fase de calendarização.

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

capacete obras

Apresentação / Enquadramento

  • Dar a conhecer os requisitos legais para a integração dos sistemas;
  • Conhecer a norma OSHAS 18001;
  • Estabelecer um sistema de gestão da SST destinado a eliminar ou minimizar o risco para os trabalhadores e para outras partes interessadas que possam estar expostos a riscos para a SST associados às suas actividades;
  • Implementar, manter e melhorar de forma contínua um sistema de gestão da SST;
  • Assegurar-se da conformidade com a política da SST que estabelecer;
  • Elaborar um plano de avaliação de riscos, identificando prioridades e mecanismos de legitimação do mesmo;
  • Implementar medidas preventivas e correctivas;
  • Obter a certificação ou o reconhecimento do seu sistema de gestão da SST por uma organização externa, ou estar apto a fazer uma auto-avaliação e uma declaração de conformidade com esta Especificação.

Caracterização do Público-alvo

  • Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho;
  • Técnicos de Segurança e Higiene do Trabalho, Técnicos Superiores de Segurança e Higiene do Trabalho com necessidade de actualização de conhecimentos;
  • Quadros Médios e Superiores que exerçam funções relacionados com Segurança e Higiene do Trabalho;
  • Quatros Médios e Superiores que exerçam funções relacionados com Segurança e Higiene do Trabalho.

Formadores

A designar.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 180€ 16h
   
Lisboa 200€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Lisboa - 18/07/2016 a 21/07/2016 - Segunda a Quinta - feira, das 19h às 23h;

Braga -  27/06/2016 a 30/07/2016 - Segunda a Quinta - feira, das 19h às 23h;

 

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

haccp

Apresentação / Enquadramento

A segurança alimentar desempenha cada vez mais um papel determinante na saúde pública e é um aspecto de crescente preocupação por parte de autoridades e consumidores.

As exigências do mercado são cada vez maiores, pois há a necessidade de sentir a qualidade e segurança nos produtos que consumimos, especialmente quando se trata de produtos alimentares.

Neste contexto este curso tem como principal objectivo dotar os participantes de competências que lhes permita implementar sistemas de HACCP e garantir, dessa forma, a qualidade e a segurança dos produtos produzidos ou manipulados pelas empresas.

Caracterização do Público-alvo

  • Quadros médios e superiores da indústria alimentar, hotelaria, restauração e de organismos oficiais;
  • Responsáveis pelo Sistema de Gestão de Higiene e Segurança Alimentar;
  • Pelo controlo de qualidade de alimentos e de laboratórios de análise de produtos alimentares;
  • Todos os profissionais com interesse pela área alimentar;
  • Licenciados ou Bacharéis que exercem ou que pretendem vir a exercer actividade em SHA.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados

No final da acção, os participantes deverão estar aptos a:

  • Definir, implementar e gerir um Sistema de Gestão de Higiene e Segurança Alimentar;
  • Baseado na metodologia do sistema HACCP (análise de perigos e controlo de pontos críticos).

Formadores

A designar.

  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 185€

16h

   
Lisboa 215€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 22/07/2017 a 29/07/2017 - Sábados (9h00 às 18h00);

Lisboa - 01/07/2017 a 08/07/2017 - Sábados (9h00 às 18h00).

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

auditoria

NP Apresentação / Enquadramento

As auditorias são um importante instrumento de Gestão para monitorizar e verificar a efectiva implementação dos Sistemas de Gestão numa Organização;

A prática da auditoria, necessária à melhoria contínua, dá uma perspectiva objectiva e específica sobre os resultados efectivos das práticas de funcionamento no âmbito dos Sistemas de Gestão;

Neste curso, os participantes serão preparados para realizar Auditorias Internas a Sistemas de Gestão da Qualidade, de acordo com as orientações descritas na Norma ISO 19011- Linhas de Orientação para Auditorias a Sistemas de Gestão da Qualidade.

Caracterização do Público-alvo

  • Auditores e consultores que pretendam aprofundar ou reciclar os seus conhecimentos;
  • Quadros de empresas com responsabilidades na gestão e avaliação do SGQ;
  • Licenciados ou Bacharéis que exercem ou que pretendem vir a exercer actividade na área da qualidade.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados:

  • Formar auditores de Sistemas de Gestão da Qualidade (SGQ), de acordo com a norma ISO 19011;
  • Proporcionar a utilização das ferramentas e metodologias para fazer uma auditoria eficaz ao SGQ;
  • Qualificar auditores de 1ª; 2ª ou 3ª parte.

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 185€ 16h
   
Lisboa 215€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 17/07/2017 a 24/07/2017 - Sábados - 9h00 ás 18h00;

Lisboa - 24/06/2017 a 01/07/2017 - Sábados - 9h00 ás 18h00;

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

Apresentação / Enquadramento

Permitir aos Técnicos de SHT, ou outros profissionais com funções directamente relacionadas com a Organização de Emergência, o desempenho de tais funções com eficácia necessária para garantir a prevenção e protecção da Empresa.

Caracterização do Público-alvo

  • Profissionais que desempenhem ou pretendam desempenhar funções directamente relacionadas com a Organização de Emergência;
  • Técnicos de Segurança e Higiene do Trabalho, Técnicos Superiores de Segurança e Higiene do Trabalho com necessidade de actualização de conhecimentos e/ou renovação do CAP;
  • Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho;
  • Quatros Médios e Superiores que exerçam funções relacionados com Segurança e Higiene do Trabalho.

Regras de Renovaçao CAP TSHST

Formadores

A designar.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 185€

30H

   
Lisboa 235€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 12/06//2017 a 22/06/2017 - Seg. a Sex. das 19h às 23h;

Lisboa - 06/05/2017 a 27/05/2017 - Sábados, das 9h às 18h.

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

capacete obras tr

Apresentação / Enquadramento

  • Desenvolver técnicas para a identificação de perigos;
  • Descrever e aplicar as metodologias e técnicas de avaliação de riscos;
  • Elaborar um plano de avaliação de riscos, identificando prioridades e mecanismos de legitimação do mesmo;
  • Implementar medidas preventivas e correctivas.

Caracterização do Público-alvo

  • Responsáveis pela implementação de Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho;
  • Técnicos de Segurança e Higiene do Trabalho, Técnicos Superiores de Segurança e Higiene do Trabalho com necessidade de actualização de conhecimentos e/ou renovação do CAP;
  • Quatros Médios e Superiores que exerçam funções relacionados com Segurança e Higiene do Trabalho;
  • Quatros Médios e Superiores que exerçam funções relacionados com Segurança e Higiene do Trabalho.

Regras de Renovaçao CAP TSHST

Formadores

A designar.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 185€

30h

   
Lisboa 235€

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 26/06/2017 a 05/07/2017 - Segunda a Sexta, das 19h ás 23h;

Lisboa - 01/05/2017 a 03 /06/2017 - Sábados, das 9h ás 18h.

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

ADR cisternasr

Apresentação / Enquadramento

O transporte rodoviário de mercadorias perigosas é, desde 04 de Maio de 2007 (D.L. 107-A/2007), obrigatório* para todos os motoristas independentemente do tipo de veículo (Curso Base).

A chamada carta ADR – Especialização em Cisternas é uma licença emitida pelo I.M.T.T., em Portugal renovável a cada 5 anos, após execução de Formação Profissional Homologada pelo IMTT e Exame Final de Curso, sendo válida em todos os países (+ de 40) subscritores do ADR (Comunidade Europeia, etc.).

Nos cursos de formação ADR – Especialização em Cisternas – Reciclagem os formandos recebem formação acerca das inovações regulamentares e técnicas, ocorridas nos últimos cinco anos, que interessem aos condutores de mercadorias perigosas, bem como uma recapitulação das matérias mais importantes da formação inicial.

Caracterização do Público-alvo

Motoristas que transportem mercadorias perigosas em Cisternas, portadores de Carta ADR – Especialização em Cisternas emitida pelo IMTT, à pelo menos de 5 anos. (A contagem dos 5 anos tem por base a data de realização de Exame).

Objectivos do cursos e Resultados Esperados

Permitir aos Formandos uma reciclagem de conhecimentos acerca do ADR;

Adquirir conhecimentos e competências acerca das inovações regulamentares e técnicas, ocorridas nos últimos cinco anos;

Cumprimento do enquadramento legal em vigor.

Condições de Avaliação e Assiduidade

Os formandos são sujeitos a avaliação continua (durante a formação) e exame final de curso a realizar no IMTT;

Ponderação da avaliação Continua e Exame Final.

 

Conteúdos Programáticos

Componente Teórica:

  1. Introdução E Enquadramento;
  2. As Cisternas que se usam para o transporte;
  3. Os veículos para transporte em cisternas;
  4. A sinalização dos veículos com placas-etiquetas e painéis laranja;
  5. Qual a documentação necessária;
  6. Equipamentos a constarem a bordo dos veículos;
  7. Procedimentos de enchimento e descarga de cisternas;
  8. Segurança na circulação dos veículos.

Componente Prática:

  1. Primeiros Socorros
  2. Combate a Derrames e Incêndios (Simulação Pratica - Bombeiros)

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Documentação Necessária:

  • Fotografia;
  • Fotocópia do documento de identificação (B.I., Cartão de Cidadão ou Passaporte) do candidato;
  • Fotocópia do Cartão de Contribuinte;
  • Fotocópia da carta de condução do candidato;
  • Atestado médico (Modelo 922), emitido pela Delegação de Saúde da área de residência do candidato;
  • Relatório do exame psicológico ou declaração escrita do gabinete onde o exame foi realizado;
  • CV ou Certificado de Habilitações.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 145€

8H

Lisboa 195€
   

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga -08/04/2017 - Sábado, das 9H às 18H;

Lisboa - 25/02/2017 - Sábado, das 9H às 18H;

Condições de Especiais

Mínimo de 14 formandos por curso

Condições de Inscrição

Empresas que inscrevam 2 ou mais participantes ou Associados da PME Portugal: 5% desconto;

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

ADR cisternasr

 

Apresentação / Enquadramento

O transporte rodoviário de mercadorias perigosas é, desde 04 de Maio de 2007 (D.L. 107-A/2007), obrigatório* para todos os motoristas independentemente do tipo de veículo (Curso Base).

A chamada carta ADR – Especialização em Cisternas é uma licença emitida pelo I.M.T.T., em Portugal renovável a cada 5 anos, após execução de Formação Profissional Homologada pelo IMTT e Exame Final de Curso, sendo válida em todos os países (+ de 40) subscritores do ADR (Comunidade Europeia, etc.).

Nos cursos de formação ADR – Especialização em Cisternas os formandos recebem formação quanto: ao tipo de cisternas que se usam para o transporte; a sinalização dos veículos com placas -etiquetas e painéis laranja, qual a documentação necessária, os equipamentos a constarem a bordo dos veículos, os procedimentos de enchimento e descarga de cisternas e modos de actuação em termos de Segurança na circulação dos veículos. * - Não é obrigatório, caso o transporte seja efectuado ao abrigo das isenções previstas no ADR 2011.

Caracterização do Público-alvo

Motoristas que transportem mercadorias perigosas em Cisternas, portadores de Carta ADR Base.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados

Aquisição de competências que permita aos Formandos, tratar dos riscos e perigos apresentados pelas mercadorias perigosas, adaptada à gravidade do risco de ferimentos ou de exposição resultante de um incidente durante o transporte de mercadorias perigosas em cisternas, incluindo a carga e a descarga, bem como aos procedimentos a seguir no manuseamento em condições de segurança e às intervenções de urgência. Cumprimento do enquadramento legal em vigor.

Condições de Avaliação e Assiduidade

Os formandos são sujeitos a avaliação continua (durante a formação) e exame final de curso a realizar no IMTT;

Ponderação da avaliação Continua e Exame Final.

 

Conteúdos Programáticos

Componente Teórica:

  1. Introdução E Enquadramento;
  2. As Cisternas que se usam para o transporte;
  3. Os veículos para transporte em cisternas;
  4. A sinalização dos veículos com placas-etiquetas e painéis laranja;
  5. Qual a documentação necessária;
  6. Equipamentos a constarem a bordo dos veículos;
  7. Procedimentos de enchimento e descarga de cisternas;
  8. Segurança na circulação dos veículos.

Componente Prática:

  1. Primeiros Socorros
  2. Combate a Derrames e Incêndios (Simulação Pratica - Bombeiros)

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Documentação Necessária:

  • Fotografia;
  • Fotocópia do documento de identificação (B.I., Cartão de Cidadão ou Passaporte) do candidato;
  • Fotocópia do Cartão de Contribuinte;
  • Fotocópia da carta de condução do candidato;
  • Atestado médico (Modelo 922), emitido pela Delegação de Saúde da área de residência do candidato;
  • Relatório do exame psicológico ou declaração escrita do gabinete onde o exame foi realizado;
  • CV ou Certificado de Habilitações.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 195€

15h

Lisboa 245€
   

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 30/03/2017 a 01/04/2017  - 2º/3º/ Sab., das 19h-23h/9h-17h;

Lisboa - 27/04/2017 a 29/05/2017-  5º/6º/Sab., das 19h-23h/9h-17h;

Condições de Especiais

Empresas que inscrevam 2 ou mais participantes ou Associados da PME Portugal: 5% desconto;

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico para pedido de informações


logoIA 200pxIPME 100px

ADRr

 

Apresentação / Enquadramento

O transporte rodoviário de mercadorias perigosas é, desde 04 de Maio de 2007 (D.L. 107-A/2007), obrigatório* para todos os motoristas independentemente do tipo de veículo (Curso Base).

A chamada carta ADR - Base é uma licença emitida pelo I.M.T.T. ,em Portugal renovável a cada 5 anos. Após esta data todos os Condutores com Carta ADR- BASE necessitam de realizar uma reciclagem, de forma a poderem continuar a conduzir veículos de transporte de mercadorias perigosas.Nos cursos de formação ADR – Reciclagem os formandos recebem formação acerca das inovações regulamentares e técnicas, ocorridas nos últimos cinco anos, que interessem aos condutores de mercadorias perigosas, bem como uma recapitulação das matérias mais importantes da formação inicial.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados

  • Permitir aos Formandos uma reciclagem de conhecimentos acerca do ADR;
  • Adquirir conhecimentos e competências acerca das inovações e técnicas, ocorridas nos últimos cinco anos;
  • Cumprimento do enquadramento legal em vigor.

Condições de Avaliação e Assiduidade

Os formandos são sujeitos a avaliação continua (durante a formação) e exame final de curso a realizar no IMTT;

Ponderação da avaliação Continua e Exame Final.

Conteúdos Programáticos

Componente Teórica:

  1. Introdução – Noções Básicas
  2. O que é o ADR?
  3. As Mercadorias Perigosas E Os Seus Riscos
  4. O Material Que Deve Ser Usado Para O Transporte
  5. Como Sinalizar O Perigo No Transporte
  6. Qual A Documentação Necessária
  7. Quais Os Equipamentos De Protecção Necessários
  8. O Que São As Isenções E Quando É Possível Usá-Las
  9. Como proceder nas operações de transporte, carga, descarga e manuseamento
  10. Os veículos de mercadorias perigosas têm influência na segurança
  11. Quais as responsabilidades dos intervenientes no transporte
  12. Transporte multimodal
  13. Os veículos em circulação, segurança no transporte, referencias genéricas
  14. Medidas transitórias

Componente Prática:

  1. Primeiros Socorros
  2. Combate a Derrames e Incêndios (Simulação Pratica - Bombeiros)

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Documentação Necessária:

  • Fotografia;
  • Fotocópia do documento de identificação (B.I., Cartão de Cidadão ou Passaporte) do candidato;
  • Fotocópia do Cartão de Contribuinte;
  • Fotocópia da carta de condução do candidato;
  • Atestado médico (Modelo 922), emitido pela Delegação de Saúde da área de residência do candidato;
  • Relatório do exame psicológico ou declaração escrita do gabinete onde o exame foi realizado;
  • CV ou Certificado de Habilitações.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 145€

15h

Lisboa  175€
   

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 20/03/2017 a 25/03/2017 - Segunda e Terça, das 19h ás 23h e Sábados, das 9h ás 17h;

Lisboa - 02/04/2017 a 08/04/2017 - Quintas e Sextas, das 19h ás 23h e Sábados, das 9h ás 17h;

Condições de Especiais

Empresas que inscrevam 2 ou mais participantes ou Associados da PME Portugal: 5% desconto;

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico


logoIA 200pxIPME 100px

ADR

Apresentação / Enquadramento

O transporte rodoviário de mercadorias perigosas é, desde 04 de Maio de 2007 (D.L. 107-A/2007), obrigatório* para todos os motoristas independentemente do tipo de veículo (Curso Base)
A chamada carta ADR é uma licença emitida pelo I.M.T.T. (em Portugal renovável a cada 5 anos, após execução de Formação Profissional Homologada pelo IMTT e exame, sendo válida em todos os países (+ de 40) subscritores do ADR (Comunidade Europeia, etc.).
Nos cursos de formação ADR os formandos recebem formação quanto à devida sinalização, números de perigo, números ONU das mercadorias, documentação obrigatória que acompanha o transporte, comportamento dos veículos em função da matéria transportada, modos de actuação em caso de acidente, etc.

* - Não é obrigatório, caso o transporte seja efectuado ao abrigo das isenções previstas no ADR 2011.

Caracterização do Público-alvo

Motoristas de todo o tipo de veículos que transportem mercadorias perigosas por estrada.

Objectivos do cursos e Resultados Esperados

  • Sensibilizar os formandos dos riscos inerentes ao transporte de mercadorias perigosas;
  • Adquirir noções básicas e indispensáveis para que os formandos consigam minimizar as probabilidades de ocorrer um incidente;
  • Saber assegurar a aplicação de medidas de segurança necessárias quando ocorre um incidente, quer para a sua própria segurança quer para a segurança do público em geral, quer para a protecção do meio ambiente, de modo a limitar os efeitos do incidente.


Conteúdos Programáticos


Componente Teórica:

  1. Introdução – Noções Básicas
  2. O que é o ADR?
  3. As Mercadorias Perigosas E Os Seus Riscos
  4. O Material Que Deve Ser Usado Para O Transporte
  5. Como Sinalizar O Perigo No Transporte
  6. Qual A Documentação Necessária
  7. Quais Os Equipamentos De Protecção Necessários
  8. O Que São As Isenções E Quando É Possível Usá-Las
  9. Como proceder nas operações de transporte, carga, descarga e manuseamento
  10. Os veículos de mercadorias perigosas têm influência na segurança
  11. Quais as responsabilidades dos intervenientes no transporte
  12. Transporte multimodal
  13. Os veículos em circulação, segurança no transporte, referencias genéricas
  14. Medidas transitórias

Componente Prática:

  1. Primeiros Socorros
  2. Combate a Derrames e Incêndios (Simulação Pratica - Bombeiros)

Documentação Necessária:

  • Fotografia
  • Fotocópia do documento de identificação (B.I., Cartão de Cidadão ou Passaporte) do candidato;
  • Fotocópia do Cartão de Contribuinte
  • Fotocópia da carta de condução do candidato;
  • Atestado médico (Modelo 922), emitido pela Delegação de Saúde da área de residência do candidato;
  • Relatório do exame psicológico ou declaração escrita do gabinete onde o exame foi realizado.
  • CV ou Certificado de Habilitações

Formadores

  • A designar;
  • Licenciatura com formação de base;
  • Experiência comprovada a nível profissional, na área em causa, de pelo menos 3 anos;
  • Experiência pedagógica/formativa nos últimos 2 anos;
  • CAP válido.

Locais e Preços

LocaisPreçoNº horas
Braga 255€

30h

Lisboa 295€
   

Próximas Edições - Datas de inicio dos cursos

Braga - 20/03/2017 a 28/03/2017 - Segundas, Terças e Quartas, das 19h ás 23h e Sábados, das 9h ás 17h;

Lisboa - 16/03/2017 a 31/03/2017 - Quintas e Sextas, das 19h45 ás 22h45 e Sábados, das 9h ás 17h30;

Condições de Pagamento

O pagamento do curso divide-se em duas fases: 50 euros no acto da inscrição (em cheque, transferência bancária, ou numerário nas nossas instalações) e o restante 72 horas antes do início do curso. Existe também a possibilidade de obter crédito para formação na agência CGD visto possuirmos um protocolo nesse sentido.

Inscrições

Aceder ao Formulário Electrónico


logoIA 200pxIPME 100px